Vai ter volta:Atlético fica no empate com o Brasil-RS em Pelotas.


Pela partida de ida da primeira fase da Copa do Brasil,o furacão ficou no empate em 1a1 com o Brasil de Pelotas no estádio Bento Freitas.Após um inicio de jogo equilibrado  o furacão conseguiu no final da primeira etapa o gol que abriu o placar com Marcos Guilherme,porém na segunda etapa cedeu o empate ao time da casa.Agora o furacão volta suas atenções para o estadual onde fará mais um clássico atletiba no próximo domingo na arena da baixada.

O JOGO:

O Furacão começou a partida pressionado, tentando impor as ações, e aos dois minutos, Walter dominou, levantou a cabeça e rolou para Marcos Guilherme arrematar por cima da meta. Aos seis minutos, foi a vez do atacante rubro-negro ajeita para Jadson, que soltou o pé e carimbou o travessão. O time paranaense tinha maior posse, mas o ímpeto inicial diminuiu.
Jogando no contra-ataque, o Xavante chegou pela primeira vez aos 17 minutos, com, Ramon, que recebeu o lançamento, invadiu a área e bateu cruzado, pela linha de fundo. Aos 22 minutos, Ramon abriu espaço e arriscou o tiro de longe, para fora. Mais Brasil no ataque, novamente com Ramón, que tentou um voleio, mas apenas recuou para Weverton.
O Atlético tocava com tranquilidade e voltou a pressionar aos 35 minutos, a partir de cabeçada de Vilches que Teco conseguiu desviar para salvar. O gol parecia questão de tempo, embora a primeira etapa estivesse se encaminhando par ao fim. Até que, aos 44 minutos, em contra-ataque rápido, Eduardo cruzou, Pablo passou da bola e Marcos Guilherme completou para as redes, abrindo o placar.
Para a segunda etapa, o Furacão voltou com Vinícius no lugar de Marcos Guilherme. A equipe visitante continuava com o domínio, mas tinha mais dificuldade para avançar ao campo de ataque. Aos nove minutos Walter recebeu na área, do jeito que gosta, tentou a virada, mas o arremate ficou em cima da defesa gaúcha.
Os dois treinadores aproveitaram para modificar os dois times, buscando mais movimentação. Aos 19 minutos, Nathan invadiu a área, bateu forte, mas errou o alvo. A defesa do Brasil cochilou, a bola sobrou para Pará, que não perdeu tempo e chutou, por cima do gol. A equipe de Pelotas quase chegou ao empate, aos 28 minutos, com chute cruzado de Marcos Paraná que obrigou Weverton a fazer grande defesa.
O lance incendiou o torcedor, que passou a empurrar o Xavante. Até que, aos 30 minutos, Marcos Paraná aproveitou cruzamento e bateu de primeira para estufar as redes e deixar tudo igual no placar. Aos 37 minutos, Vinícius, que entrou no segundo tempo, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso pelo lado atleticano, acabando com qualquer chance de reação.
Ficha Técnica:
BRASIL-RS 1 X 1 ATLÉTICO-PR
Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS)
Data: 17 de março de 2016, quinta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: José Reinaldo Nascimento Junior(DF) e Leila Naiara Moreira da Cruz (DF)
Cartões amarelos : Teco, Leandro Leite e Diogo Oliveira (Brasil); Deivid, Jadson e Vinícius (Atlético-PR)
Cartão vermelho : Vinícius (Atlético-PR)
Gols
BRASIL–RS: Marcos Paraná, aos 30 minutos do segundo tempo
ATLÉTICO-PR: Marcos Guilherme, aos 44 minutos do primeiro tempo
BRASIL–RS: Eduardo Martini, Wender, Cirilo, Teco e Brock; Leandro Leite, Fernando Cardozo (Weldinho), Diogo Oliveira e Felipe Garcia; Marcos Paraná e Ramon (Nathan).
Técnico: 
Rogério Zimermann
ATLÉTICO-PR: Weverton; Eduardo, Chistián Vilches, Thiago Heleno e Pará; Deivid, Jadson, Marcos Guilherme (Vinícius), Pablo e Nikão (Giovanny); Walter (André Lima).
Técnico: Paulo Autuori
Veja os gols do jogo:


Nenhum comentário:

Postar um comentário