Vacilo:Atlético é derrotado pelo Grêmio.


Mais uma vez o furacão deixou a desejar dentro da arena da baixada,na tarde desse domingo o furacão foi derrotado pelo Grêmio  por dois a zero e sofreu sua segunda derrota na competição.Na próxima rodada o furacão joga novamente na arena para enfrenta o Flamengo.

O JOGO:

 O primeiro tempo da partida fez jus ao tempo embaçado em Curitiba. As duas equipes pouco produziram e mais se estudaram em campo. Em 45 minutos, poucas chances claras de gol, e 60% de aproveitamento do Furacão.
Mesmo com mais tempo de bola nos pés, os jogadores do Atlético não conseguiam realizar as jogadas em velocidade e pecavam no último passe. Enquanto isso, o Grêmio se defendia como podia e abria mão do ataque, esperando um contra-ataque fatal – que não aconteceu.
O principal lance do primeiro tempo foi a não marcação de um pênalti em chute do meia Rossetto, que acertou a bola no braço do zagueiro Kannemann dentro da área. Com o jogo truncado, quatro cartões amarelos foram apresentados na primeira etapa, sendo dois para cada time.
 O Grêmio retornou para o segundo tempo com uma outra postura e foi recompensado com um gol relâmpago. Aos dois minutos, Ramiro lançou para a área e Barrios tentou dominar, mas a bola sobrou limpa para o atacante Luan marcar seu primeiro gol no Brasileirão: 1 a 0.
O jogo esquentou e o Atlético-PR passou a atacar com mais homens a frente, dando o contra-ataque ao Imortal. Após uma boa chegada de Pablo, que finalizou por cima do gol, o Furacão sofreu mais um baque na partida. Em rápido toque de bola, Ramiro descolou cruzamento para o centroavante Lucas Barrios, que deu um lindo toque de calcanhar e fez o segundo gol do Imortal.
Mesmo com 2 a 0 no placar, o Grêmio passou a adotar postura defensiva e abdicar do ataque. Aos 30 minutos, o time gaúcho se complicou. O goleiro Marcelo Grohe, que já tinha cartão amarelo por ter feito cera em jogo, voltou a demorar para bater o tiro de meta e recebeu o cartão vermelho, deixando o Grêmio com um jogador a menos e forçando Renato Gaúcho a colocar o goleiro reserva Léo em campo.
Com um jogador a mais em campo e com um goleiro “frio” do outro lado, o Furacão fez uma verdadeira blitz no ataque. Primeiro, foi a vez de Nikão, cara a cara com o arqueiro, finalizar pra cima. Na sequência, Douglas Coutinho foi cortado por Geromel.
Ficha Técnica:
ATLÉTICO-PR 0 X 2 GRÊMIO
Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 21 de maio de 2017, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido R de Souza – SP (CBF)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Cartões amarelos: Weverton e Thiago Heleno (Atlético-PR); Ramiro, Lucas Barrios e Marcelo Grohe (Grêmio)
Cartão vermelho: Marcelo Grohe (Grêmio)
GOLS:
GRÊMIO:
 Luan aos 4 e Barrios aos 13 minutos do segundo tempo 
ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Matheus Rossetto, Carlos Alberto (Guilherme) e Nikão; Pablo (Douglas Coutinho) e Eduardo da Silva (Grafite)
Técnico: Paulo Autuori
GRÊMIO: Marcelo Grohe; Léo Moura, Pedro Geromel, Walter Kannemann e Bruno Cortez; Michel, Arthur (Rafael Thyere), Ramiro, Luan e Pedro Rocha (Jaílson); Lucas Barrios (Léo)
Técnico: Renato Portaluppi
Veja os gols do jogo: