Em vantagem:Eduardo da Silva marca,e furacão vence o Paraná na arena.


Pela partida de ida das quartas de finais do paranaense o furacão derrotou o Paraná por 1a0 na tarde desse domingo na arena,com gol de Eduardo da Silva no último minuto da primeira etapa o rubro abriu vantagem no confronto contra o time paranista e joga por um empate na partida de volta na Vila Capanema,para garantir vagas as semifinais do estadual.A partida de volta está marcada para sábado as 16 horas no Durival de Brito.

O JOGO:

O clássico paranaense começou equilibrado. Com bastantes faltas no início do jogo e um cartão amarelo para cada lado (Paulo André e Robson) antes dos dez minutos, Atlético-PR e Paraná já davam uma amostra do que seria o jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paranaense.
Bem postadas em campo, as duas equipes não permitiram muitas chances de perigo na primeira metade da etapa inicial. A primeira grande oportunidade de gol aconteceu somente aos 31 minutos, quando o meia Renatinho soltou uma bomba, contou com o desvio do zagueiro e mandou a bola rente à trave de Weverton.
Com a torcida rubro-negra pegando no pé de Crysan, que pouco acertou durante os primeiros 45 minutos, o técnico Paulo Autori colocou Felipe Gedoz para aquecer. Nos últimos minutos de jogo os donos da casa, enfim, acordaram e conseguiram levar mais perigo à meta dos rivais. Primeiros aos 47, com um grande chute de Matheus Rossetto, que obrigou Léo a fazer boa defesa. Já em seguida, pouco antes do juiz apitar o fim do primeiro tempo, Eduardo da Silva aproveitou o escanteio cobrado por Rossetto para completar para o gol e abrir o placar na Arena da Baixada.
Tentando correr atrás do prejuízo, o Paraná voltou para o segundo tempo mais agressivo. Logo aos 14 minutos Alex Santana chutou de longe, levando perigo à meta rubro-negra. Aos poucos os visitantes iam se aproximando do empate até Robson, aos 20 minutos, ser expulso por puxar a camisa de Lucho González.
Com um a mais em campo e a vantagem no placar, o Atlético-PR ficou muito mais confortável na partida e ciente de que tinha de ir para cima na tentativa de matar o jogo e chegar no Durival de Britto, no próximo sábado, muito próximo da vaga na semifinal.
Daí em diante só deu Atlético-PR. Concentrado em não levar mais gols, o que complicaria sua vida nas quartas de final, o Paraná se fechou e segurou o ímpeto dos rivais, que se jogaram no ataque, até o apito final do juiz.
Ficha Técnica:
ATLÉTICO-PR 1 X 0 PARANÁ
Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 02 de abril de 2017, domingo
Horário: 15h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva
Assistentes: Diego Grubba Schitkovski e Luiz Paulo Gali
Público: 25.124 pessoas
Cartões amarelos: ATLÉTICO-PR: Paulo André, Eduardo da Silva, Matheus Rossetto e Felipe Gedoz; PARANÁ: Robson
Cartões vermelhos: PARANÁ: Robson
GOLS:
ATLÉTICO-PR: Eduardo da Silva, aos 47min do 1ºT
ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan (Léo), Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Matheus Rossetto e Lucho González (Douglas Coutinho); Nikão, Crysan (Felipe Gedoz) e Eduardo da Silva
Técnico: Paulo Autuori
PARANÁ: Léo; Júnior, Eduardo Brock, Rayan (Kaike) e Airton; Jhony, Renatinho e Alex Santana; Robson, Pedro Bortoluzo (Guilherme Biteco) e Felipe Alves (Nathan).
Técnico: Wagner Lopes
Veja como foi o jogo:



Nenhum comentário:

Postar um comentário