E da-lhe Atlético:Furacão vence o Coritiba,e conquista a primeira vitória no estadual.


E a primeira vitória do rubro negro no estadual,veio em boa hora veio no Atletiba em um jogo onde o furacão foi um time tático o rubro negro conquistou os três pontos ao vencer o rival por 2a0 com gols de Crysan e Douglas Coutinho e assim conquistando a primeira vitória na competição.Na próxima rodada o furacão vai até Foz do Iguaçu enfrentar o Foz,já o time principal entra em campo na próxima. terça feira as 21 horas na arena contra o Universdiad Católica pela primeira rodada da fase de grupos da Libertadores.

O JOGO:

A primeira chegada foi o Furacão, aos dois minutos, em cobrança de falta de João Pedro, que passou na frente de todo mundo e se perdeu pela linha de fundo. Aos cinco minutos, cobrança de falta na área alviverde e Douglas Coutinho não conseguiu pegar em cheio na bola. O Coritiba tinha dificuldade para sair jogando.
O Coxa tentou pressionar, aos 11 minutos, após cobrança de falta que sobrou para Iago na linha de fundo. O atacante tentou o cruzamento, mas ninguém conseguiu o domínio. O jogo ficou truncado, com os dois times errando muito e esperando encontrar espaço. Aos 20 minutos depois de um chute torto de Kléber, Rildo recuperou e rolou para Carlinhos cruzar nas mãos de Santos. Aos 23 minutos, Rildo abriu espaço e soltou o pé para boa defesa de Santos.
O Alviverde cresceu na partida. Aos 30 minutos, novo cruzamento de Carlinhos e a defesa rubro-negra subiu para afastar. Até que, aos 33 minutos, Kléber serviu Rildo, que foi derrubado por José Ivaldo na área. Pênalti marcado. Na cobrança, o Gladiador carimbou a trave. O troco, no entanto, foi fatal. Aos 39 minutos, Dodô tocou errado para dentro da área e, na sobra, Cryzan fuzilou no cantinho para abrir o placar.
Para a etapa final, as equipes retornaram sem mudanças. O jogo era de muita marcação, e erros, cm poucas chances reais nos primeiros minutos. Aos nove minutos, Galdezani recebeu na área, driblou Santos e bateu para José Ivaldo tirar em cima da linha. Contra-ataque coxa-branca, aos 12 minutos, com Rildo, que recebeu na área e deixou a bola sair. Mais Alviverde, com Iago, que aos 13 minutos mandou uma bomba para grande defesa de Santos.
O Coritiba tentava pressionar, mas encontrava pela frente uma defesa bem postada. Aos 25 minutos, Kleber caiu na área pedindo penalidade e o árbitro mandou o jogo seguir. Aos 31 minutos, Neto Berola chegou pela direita, cortou para o meio, mas o arremate bateu na defesa rubro-negra. Aos 42 minutos, Douglas Coutinho pegou sobra de bola após cobrança de falta e tocou na saída de Wilson para fechar a contagem.
Fica Técnica:
ATLÉTICO-PR 2 X 0 CORITIBA
Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 1º de março de 2017, quarta-feira
Horário: 20 horas (de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Jr.
Assistentes: Weber Felipe Silva e Júlio César de Souza
Cartões amarelos: José Ivaldo, Cryzan, Santos (Atlético-PR); Léo Santos, Carlinhos, Iago e Juninho (Coritiba)
Gols
ATLÉTICO PARANAENSE: Cryzan, aos 39 minutos do primeiro tempo e Douglas Coutinho, aos 42 minutos do segundo tempo
ATLÉTICO PARANAENSE: Santos; Léo, Wanderson, José Ivaldo e Renan Lodi (Sidcley); Luiz Otávio (Jacy), Rossetto e João Pedro (Renan Paulino); Douglas Coutinho, Crysan e Luis Henrique
Técnico: Paulo Autuori
CORITIBA: Wilson; Dodô, Werley, Juninho (Geovane), Carlinhos; Jonas, Matheus Galdezani (Henrique Almeida), Thiago Lopes; Iago (Neto Berola), Rildo e Kleber.
Técnico: Pachequinho (interino)
Veja como foi o jogo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário