Em vantagem:Atlético faz dois no JEC,e tem boa vantagem na Sul-Americana.


Em jogo onde o rubro negro foi superior,o furacão venceu o Joinville por dois a zero,e conseguiu boa vantagem no segundo pela copa Sul-Americana com gols de Walter e Douglas Coutinho  rubro negro foi superior aos catarinenses durante todo o jogo e conquistou a vitória e assim ficando muito próximo da classificação,já que na partida da próxima semana na arena o furacão pode perder até por um gol de diferença que avança a próxima fase da competição.

O JOGO:

O jogo mal havia começado e, logo aos dois minutos, Alan Ruschel tirou uma bola e sentiu lesão, obrigando o técnico Milton Mendes a queimara primeira mudança, com a entrada de Sidcley. Aos oito minutos Hernández cobrou falta na entrada da párea, nas mãos de Agenor. O meia colombiano estava com vontade e, aos 12 minutos, fez jogada individual mas, na hora do cruzamento, recuou para a defesa catarinense.
O Furacão chegou a balançar as redes, aos 15 minutos, com Douglas Coutinho, que aproveitou cruzamento de Walter para desviou para as redes usando a mão. Na primeira chagada do JEC, Trípodi recebeu após troca de passes e chutou rasteiro, fácil para Weverton. O jogo não era bom tecnicamente, com o Atlético-PR mantendo maior posse de bola, mas sofrendo forte marcação, sem conseguir criar.
O Joinville cresceu na partida e chegou com perigo aos 33 minutos, em um chute forte de Bruno Aguiar que deu trabalho para Weverton. Bom lançamento de Hernández para Douglas Coutinho, aos 35 minutos, mas o atacante atleticano saiu um pouco antes e entrou e impedimento. Até que, aos 42 minutos, Eduardo cruzou e ele, Walter, apareceu para desviar para as redes e abrir o placar.
Após o intervalo, o JEC retornou com Diego no lugar de Rogério, bastante criticado pela torcida. Com a bola rolando, a posse continuava nos pés do Furacão, com os donos da casa tentando adiantar a marcação, mas sem sucesso. Aos seis minutos, Deivid recebeu na área e foi travado e ficou no chão. O árbitro mandou o jogo seguir. Aos 16 minutos, foi a vez do zagueiro Vilches sentir lesão e precisar sair para a entrada de Gustavo.
A torcida local se levantou pela primeira vez aos 19 minutos, com uma falta na entrada da área, do jeito que Marcelinho Paraíba gosta. O meia foi para a cobrança e a bola acertou a rede, pelo lado de fora. Aos 22 minutos, Walter fez a jogada, serviu Marco Guilherme que, de forma inteligente, ajeitou para Nikão, dentro da área, pegar de primeira pela linha de fundo. Mas, aos 25 minutos, Douglas Coutinho subiu mais do que a defesa catarinense e testou para o gol para fazer o segundo do Atlético.
O gol diminuiu o animo do time da casa e do torcedor, que já não se empolgava muito com a participação do time na competição enquanto luta para não cair na Série A. Aos 36 minutos, Marcelinho Paraíba cobrou falta fechada e a defesa afastou o perigo. Aos 41 minutos, Diego tentou o cruzamento e Gustavo se esticou para tirar da área e garantir a vantagem atleticana para o segundo jogo.
Ficha Técnica:
JOINVILLE 0 X 2 ATLÉTICO PARANAENSE
Local: Arena Joinville, em Joinville (SC)
Data: 20 de agosto de 2015, quinta-feira
Horário: 21h15 (de Brasília)
Público: 3.064 pessoas
Renda : R$ 79.395,00
Árbitro: Christian Ferreyra (URU)
Auxiliares: Miguel A. Nievas (URU) e Richard Trinidad (URU)
Cartões amarelos : Mário Sérgio (Joinville); Douglas Coutinho, Eduardo, Weverton e Kadu (Atlético-PR)
Gol:ATLÉTICO-PR: Walter, aos 42 minutos do primeiro tempo e Douglas Coutinho, aos 25 minutos do segundo tempo
JOINVILLE: Agenor; Mário Sérgio, Bruno Aguiar, Guti e Rogério (Diego); Anselmo, Kadu, Crispim e Silvinho (William Popp); Marion e Trípodi (Marcelinho Paraíba)
Técnico: Paulo César Gusmão
ATLÉTICO-PR: Weverton; Eduardo, Kadu, Vilches (Gustavo) e Alan Ruschel (Sidcley); Otávio, Deivid, Hernández (Nikão) e Marcos Guilherme; Douglas Coutinho e Walter.
Técnico: Milton Mendes
Veja os gols do jogo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário