Derrota no Sul:Atlético é derrotado pelo Internacional.


Em jogo onde o furacão fez muitos testes,o time rubro negro foi derrotado pelo Internacional por 2a0 e aumentou seu jejum de vitórias pra quatro jogos no brasileirão.Agora o rubro negro é o oitavo colocado na tabela de classificação com 32 pontos no meio de semana o furacão recebe o Joinville na arena pela copa sul-americana.

O JOGO:



O Internacional começou com tudo. Logo aos três minutos, Valdívia recebeu lançamento de D’Alessandro, limpou a marcação e bateu de canhota: 1 a 0. Animado, o Colorado teve várias chances de ampliar a seguir. Aos oito, Wéverton defendeu em dois tempos após boa tentativa de Sasha. Na jogada seguinte, foi a vez e Vitinho obrigar o goleiro rubro-negro a nova defesa. Aos 14, D’Ale levantou falta na cabeça de Rodrigo Dourado: mais uma defesa de Wéverton. Aos 19, Sasha tentou de voleio, a bola desviou na zaga e saiu.
Só depois disso é que o Furacão começou a respirar no jogo. Ainda assim, o Colorado seguia melhor: aos 33, Bruno Pereirinha salvou na hora que Sasha se preparava para o arremate, após jogada de Léo pela direita. O time visitante só foi concluir pela primeira vez aos 41, com Bruno Mota, mas Alisson pegou sem problemas. Aos 47, Nikão chutou por cima do gol de Alisson, com perigo.
No segundo tempo, o Inter teve grande chance para ampliar aos seis minutos, após pênalti de Kadu em Vitinho. D’Alessandro, porém bateu mal, e Wéverton espalmou. Buscando tirar seu time do sufoco, Milton Mendes tirou o lateral Bruno Pereirinha e colocou em campo o centroavante Walter. O Colorado, porém, seguia tendo muito mais volume.
Aos 12, Valdívia tentou de bicicleta, e a bola saiu pela linha de fundo. Vitinho e Léo também desperdiçaram oportunidades a seguir, aos 17 e 20 minutos, respectivamente. Aos 23, Sasha chutou, a bola desviou na zaga e acertou na trave. No minuto seguinte, enfim, o segundo gol: D’Alessandro cobrou escanteio, Rodrigo Dourado desviou de cabeça e Paulão mandou para as redes.
Após o 2 a 0, o Inter diminuiu o ritmo. O Furacão tentou se impor, mas não conseguiu. Só foi levar perigo em um bom chute de Walter, aos 40, defendido por Alisson. Aos 44, nova defesa do goleiro colorado em tentativa de Marcos Guilherme.
Ficha Técnica:
INTERNACIONAL 2 x 0 ATLÉTICO-PR
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 23 de agosto de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (Fifa-SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho van Gasse (ambos Fifa-SP)
Renda: R$ 463.150,00
Público: 22.393 (19.241 pagantes)
Cartões amarelos: Léo (Internacional); Hernâni, Kadu e Gustavo (Atlético-PR)
GOLS:
INTERNACIONAL: Valdívia, aos 3 minutos do primeiro tempo; Paulão, aos 24 minutos do segundo tempo

INTERNACIONAL: Alisson; Léo, Paulão, Ernando e Geferson; Rodrigo Dourado, Nilton, D’Alessandro (Rafael Moura) e Eduardo Sasha (Wellington); Valdívia e Vitinho (Alex)
Técnico: Argel Fucks

ATLÉTICO-PR: Weverton; Bruno Pereirinha (Walter), Kadu, Gustavo e Sidcley; Otávio, Hernâni e Bruno Mota (Marcos Guilherme); Douglas Coutinho (Ewandro), Cléo e Nikão
Técnico: Milton Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário