Derrota no primeiro teste:Atlético perde para o Benfica de Luanda.


Em seu primeiro teste na sua pré temporada na Espanha,o rubro negro foi derrotado pelo Benfica de Luanda por 2a0,em uma partida o furacão não conseguiu criar grandes momentos na partida e ainda teve falhas defensivas que resultaram nos gol do time angolano que acabou vencendo a partida.O próximo jogo do furacão acontece nessa terça feira em Cádiz contra o Guangzhou Evergrande da China as 13 horas horário de Brasilia.A seguir confira como foi o jogo do furacão.

O JOGO:

Com Weverton como capitão, o Furacão começou a partida apostando no trio ofensivo, com Dellatorre pela esquerda, Cléo centralizado e Edigar Junio pela direita. Aos gritos de Claudinei Oliveira, na beira do gramado, a equipe apresentava mais posse de bola e volume de jogo, mas sofreu o primeiro gol aos 12 minutos do primeiro tempo, quando Hélio abriu p placar após cruzamento. Com dificuldades no último passe, o Atlético-PR tentou o empate após jogadas de Natanael, Bady, Edigar Junio e Dellatorre. Antes do apito final, o Benfica quase chegou ao segundo gol, aos 42 minutos, quando Weverton fez grande defesa após um cabeceio.
De volta para o segundo tempo, dessa vez com calções e meias brancas, o Atlético-PR teve a primeira alteração na equipe aos 18 minutos, com Douglas Coutinho entrando no lugar de Cléo. Cinco minutos depois, o capitão atleticano salvou o time, após finalização do brasileiro Fabrício. Fazendo testes na equipe, Claudinei promoveu as entradas de Olaza, Bruno Mota, Felipe, Michael e Rafael Zuchi. Antes do apito final, o Furacão quase diminuiu o placar com Bruno Mota, que driblou o goleiro e chutou para o gol, mas o zagueiro adversário tirou em cima da linha. O Benfica chegou ao segundo gol aos 31 minutos com Gilberto, dando números finais à partida.
Ficha Técnica: Casino Marbella Cup 2015: Primeira rodada
Data: 25/01/2015 [domingo]
Horário: 12h [horário de Brasília]
Local: Estádio San Pedro Alcantara, em Marbella [Espanha]
Árbitro: Carlos Gaspar (ESP)
Assistentes: Andrés Faría e Oscar Cano.
Atlético Paranaense: Weverton; Daniel Borges (Michael, aos 30' do 2º tempo) , Gustavo, Cleberson (Rafael Zuchi, aos 32' do 2º tempo) e Natanael (Olaza, aos 26' do 2º tempo); Deivid (Otávio, aos 32' do 2º tempo), Hernani (Bruno Mota, aos 26' do 2º tempo) e Bady (Felipe, aos 29' do 2º tempo); Edigar Junio, Cléo (Coutinho, aos 18' do 2º tempo)  e Dellatorre.
Técnico: Claudinei Oliveira
Benfica Luanda: Elber (Tshery, aos 43' do 2º tempo); Debele (Anastácio da Costa, aos 40' do 2º tempo), Dede, Jeferson e Amaro; Jean Claude (Ruben Gouveia, aos 27' do 2º tempo), Adawa (Miguel, aos 29' do 1º tempo), Savané (Ady, aos 37' do 2º tempo) e Caranga (Gilberto, no intervalo); Vado (Fabrício, aos 28' do 1º tempo) e Hélio Roque (Lirio, aos 25' do 2º tempo).
Técnico: Zeca Amaral
Gols: Hëlio (Benfica Luanda, aos 12' do 1º tempo), Gilberto (Benfica Luanda, aos 31' do 2º tempo)
Cartões amarelos: Cleberson (Atlético Paranaense); Gilberto (Benfica Luanda).
Cartões vermelhos: -:
Análise:Realmente não foi,o inicio esperado na preparação atleticana embora tenha sido o primeiro teste pra valer da temporada o time mostrou principalmente erros defensivos e não criou grandes momentos durante a partida,para a próxima partida o técnico Claudinei Oliveira deve fazer algumas mudanças em relação ao time que enfrentou o Benfica e assim fica a expectativa de um melhor rendimento contra o Guangzhou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário