Tropeço em casa:Atlético perde para o Inter e se complica na tabela.


O furacão mais uma vez decepcionou dentro de campo,na tarde desse sábado o rubro negro foi derrotado pelo inter na arena da baixada por 1 a 0 e permanece nos seus 28 pontos em décimo primeiro lugar na tabela,em jogo onde o time até criou boas chances faltou competência para equipe finalizar e acabou saindo de campo derrotado pelo time gaúcho na próxima rodada,o furacão encara a Chapecoense em Chapecó as 21 horas na próxima quarta feira.

O JOGO:

 O Atlético-PR tomou a iniciativa no começo do jogo. A primeira boa chegada ocorreu aos seis minutos, quando Mário Sérgio passou por Fabrício e cruzou rasteiro na pequena área. Douglas Coutinho chegou batendo, mas Dida saiu do gol e pegou à queima-roupa.
O ritmo do jogo foi bruscamente interrompido devido ao temporal que caiu sobre a Arena da Baixada a partir dos dez minutos de confronto. A bola parou de rolar, e os dois times foram obrigados a parar de trocar passes e investir em cruzamentos para a área. Assim, as chances minguaram. Eduardo Sasha, Bady e Willian Rocha tiveram as únicas conclusões perigosas da etapa inicial, sempre causadas a partir de algum erro do adversário por conta do gramado encharcado.
A chuvarada deu uma trégua durante o intervalo, o que melhorou um pouco as condições do gramado para a etapa final. A primeira boa chance foi paranaense. Aos dois minutos, Hernani cobrou falta no cantinho, e Dida fez ótima defesa. A seguir, D’Alessandro respondeu tentando marcar gol olímpico, mas Wéverton salvou em cima da linha. Aos 12, Willian Rocha deu linda caneta em D’Alessandro e tentou encobrir Dida, que fez mais uma bela defesa. Três minutos depois, Douglas Coutinho usou a mão para ganhar de Dida pelo alto e marcar o gol. O lance foi bem anulado pela arbitragem.
Depois de alguns minutos exercendo pressão, o Furacão diminuiu o ritmo, e o jogo caiu novamente. O Inter, porém, também pouco articulava. O Colorado teve dois chutes de relativo perigo com Wellington e D’Alessandro, mas sempre de fora da área. Aos 35, brilhou a estrela de Abel Braga: dois jogadores colocados por ele, Rafael Moura e Valdívia, fizeram a jogada do gol da vitória, o primeiro de He-Man desde o dia três de agosto.
O Atlético-PR ainda pressionou em busca do empate. Aos 39, Willian Rocha subiu sozinho na área e Dida, o melhor em campo, fez uma linda ponte. Nos acréscimos, Bady levantou para a área e Suéliton cabeceou desviado.
FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-PR 0 x 1 INTERNACIONAL
Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 20 de setembro de 2014, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília) 
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP) 
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Márcio Luiz Augusto (SP)
Cartões amarelos: Douglas Coutinho (Atlético-PR); Fabrício (Internacional)
GOL
INTERNACIONAL: Rafael Moura, aos 35 minutos do segundo tempo
ATLÉTICO-PR: Wéverton; Mário Sérgio (Sueliton), Gustavo, Cléberson e Willian Rocha; Deivid, Hernani (Sidcley), Bady e Marcos Guilherme (Marco Damasceno); Marcelo e Douglas Coutinho
Técnico: Claudinei Oliveira
INTERNACIONAL: Dida; Gilberto, Ernando (Juan), Paulão e Fabrício; Wellington, Aránguiz, D’Alessandro, Eduardo Sasha (Valdívia) e Alex; Wellington Paulista (Rafael Moura)
Técnico: Abel Braga

Nenhum comentário:

Postar um comentário