Enfim três pontos:Atlético vence o Vitoria e volta a vencer no campeonato.


Demorou mais aconteceu,o furacão voltou a vencer no brasileirão após 7 jogos,na noite desse domingo o rubro nero superou o Vitoria na arena por 2 a 0 com gols de Marcelo e Hernâni o Atlético foi superior durante toda a partida e assim garantiu os três pontos diante da torcida.Na próxima rodada o furacão tem uma pedreira pela frente enfrenta o líder Cruzeiro no mineirão em Belo Horizonte.

O JOGO:

O Atlético-PR assustou no primeiro minuto de jogo, quando Douglas Coutinho recebeu na linha de fundo e cruzou. Marcelo recolheu a bola na segunda trave e rolou para Bady, que finalizou de primeira. Antes que a bola chegasse ao gol de Fernández, a defesa do Vitória desviou para escanteio.
Aos nove, foi a vez de Dellatorre receber na linha de fundo e cruzar para Douglas Coutinho, que apenas resvalou a cabeça na bola, sem conseguir desviá-la para o gol.
Um erro do goleiro Weverton, aos 28, quase permitiu que o Vitória marcasse o primeiro. O capitão do Furacão escorregou na saída da bola, que sobrou para Marcinho. O meia tentou encobrir o arqueiro do Atlético-PR, mas a bola subiu muito e foi para fora.
No lance seguinte, o Atlético-PR conseguiu transformar sua sutil superioridade em gol. Bady aproveitou falha de posicionamento da defesa do Vitória e tocou para Marcelo, que arrancou do meio de campo, invadiu a área e tocou entre as pernas do goleiro Gatito Fernández.
Em nova jogada de velocidade, com troca de passes rápida, o Atlético-PR quase marcou o segundo. Após boa triangulação, que começou nos pés de Marcelo, Mário Sérgio recebeu na área e chutou na saída de Fernández, que fechou bem o ângulo e fez a defesa.
Em rara jogada trabalhada, o Vitória ameaçou o Atlético-PR aos 13 minutos do segundo tempo. Nino Paraíba recebeu de Edno na ponta direita e cruzou para a área. Cáceres apareceu para cabecear e mandou a bola na rede por cima do gol defendido por Weverton.
Aos 21 minutos, o Atlético-PR viu a nova tentativa de ampliar o marcador esbarrar outra vez no goleiro Gatito Fernández. Na meia-lua, Mosquito recebeu de costas para o gol, girou sobre o marcador e finalizou. Fernández, com a ponta dos dedos, conseguiu desviar a bola para escanteio.
O Vitória perdeu sua melhor oportunidade para empatar a partida aos 23 minutos. A defesa do Furacão falhou e a bola sobrou para Edno, que finalizou no peito do goleiro Weverton.
Dois minutos mais tarde, o Atlético-PR marcou o segundo gol. Hernani recebeu na ponta direita e decidiu arriscar para o gol. O chute saiu com velocidade e morreu no canto direito de Fernández, que não conseguiu chegar à bola.
FICHA TÉCNICA:
Campeonato Brasileiro: 21ª rodada
Data: 14/07/2014 [domingo]
Horário: 18h30
Local: Arena da Baixada, em Curitiba
Árbitro: Pablo dos Santos Alves (ES) 
Auxiliares: Ramires Santos Candido (ES) e Fabio Faustino dos Santos (ES)
Atlético Paranaense: Weverton; Mário Sérgio, Gustavo, Cleberson e Willian Rocha; Deivid, Hernani e Bady; Coutinho (Sidcley, aos 26' do 2º tempo), Marcelo (Paulinho Dias, aos 38' do 2º tempo) e Dellatorre (Mosquito, aos 9' do 2º tempo).
Técnico: Claudinei Oliveira
Vitória: Roberto Junior; Nino, Luiz Gustavo, Kadu e Juan; Welison (Edno, no intervalo), Caceres (Beltran, aos 33' do 2º tempo), Richarlyson e Marcinho; Dinei e Escudero (Willie, aos 40' do 1º tempo).
Técnico: Ney Franco.
Gols: Marcelo, aos 29' do 1º tempo (Atlético Paranaense); Hernani, aos 25' do 2º tempo (Atlético Paranaense).
Cartões amarelos: Welison (Vitória/5' do 1º tempo), Willie (Vitória/10' do 2º tempo), Willian Rocha (Atlético Paranaense/43' do 2º tempo).
Cartões vermelhos: -
Público: 17.057
Renda bruta: R$ 202.710,00.

Nenhum comentário:

Postar um comentário