Outro tropeço:Furacão decepciona mais uma vez,e é derrotado pelo Goiás.


Mais uma vez o Atlético deixou a desejar,na noite desse domingo o furacão foi até o serra dourada em Goiânia e foi derrotado por 3a1 pelo Goiás assim chegando a seis jogos sem vencer,depois de sofrer dois gols na primeira etapa o rubro nefro até esboçou uma reação após o gol de Cléo porém voltou a falhar no setor defensivo e mais uma vez acabou sendo derrotado.Agora o furacão volta a campo na próxima quarta feira contra o América-RN na arena da baixada pela copa do Brasil já com o apoio da torcida,pelo brasileirão o time volta a campo no próximo sábado contra o Palmeiras também na arena.

O JOGO:

 Mais proativo que o Atlético-PR, o Goiás começou o primeiro tempo tentando pressionar o adversário. Aos 19 minutos, os donos da casa criaram uma boa chance após troca de passes pelo meio. Dentro da área, Erik rolou para Esquerdinha, que finalizou por cima do gol de Weverton.
Com a clara proposta de defender e buscar saídas para contra-atacar, o Atlético-PR só ameaçou o Goiás aos 34 minutos do primeiro tempo. Marcelo dominou na esquerda e tocou para Natanael, que foi ao fundo e cruzou na cabeça de Cléo. A cabeçada do centroavante passou por cima do gol de Renan.
O Goiás conseguiu abrir o placar aos 39 minutos. Erik recebeu dentro da área, ajeitou para a perna esquerda e finalizou rasteiro. A bola passou pelo zagueiro Cleberson e, apesar da pouca força, morreu no canto direito de Weverton, que ficou sem reação e sequer tentou pular.
Erik apareceu novamente, três minutos mais tarde, para marcar o segundo do Goiás. O jogador recebeu bom passe de Esquerdinha, ganhou de Natanael na velocidade, entrou na área e finalizou. A bola desviou na perna de Cleberson e entrou no canto direito do gol paranaense.
O Goiás quase fez o terceiro, e de novo com Erik, aos 17 minutos da segunda etapa. Após rápida tabela, o atacante saiu na frente de Weverton e tentou tocar por cima do goleiro, que fechou bem o ângulo e fez a defesa.
No minuto seguinte, o Atlético-PR diminuiu a diferença no placar. Sueliton fez boa jogada pela direita e cruzou na medida para Cléo, que testou firme no ângulo esquerdo de Renan.
Os visitantes quase empataram a partida aos 24 minutos, quando Cleberson tocou para Cléo, que entrou na área e finalizou de primeira. A bola bateu do lado de fora da rede, à esquerda do gol defendido por Renan.
Erik confirmou que este era o seu dia aos 38 minutos. O atacante recebeu passe de Thiago Mendes, entrou na área pelo meio e contou com a ajuda da sorte para fazer seu terceiro gol no jogo. Ao tentar afastar o perigo, Sueliton chutou a bola em cima de Erik e tirou qualquer possibilidade de defesa do goleiro Weverton.
FICHA TÉCNICA:
GOIÁS 3 X 1 ATLÉTICO-PR
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO) 
Data: 31 de agosto de 2014, domingo 
Horário: 18h30 (de Brasília) 
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (Asp.Fifa- RJ) 
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia (Fifa-RJ) e Diogo Carvalho Silva (RJ)
Gols: GOIÁS: Erik, aos 39 e aos 42 minutos do primeiro tempo e aos 38 minutos do segundo tempo 
ATLÉTICO-PR: Cléo, aos 18 minutos do segundo tempo
GOIÁS: Renan, Valmir Lucas, Jackson, Felipe Macedo e Léo Veloso; Thiago Mendes, David, Murilo (Tiago Real) e Esquerdinha (Liniker); Samuel e Erik (Welinton Júnior) 
Técnico: Ricardo Drubscky
ATLÉTICO-PR : Weverton, Sueliton (Mário Sérgio), Cleberson, Drausio e Natanael; Deivid, Paulinho Dias (Douglas Coutinho), Otávio e Marcos Guilherme; Marcelo e Cléo 
Técnico: Leandro Ávila (interino)

Nenhum comentário:

Postar um comentário