Tá feia a coisa:Atlético decepciona mais uma vez,e é derrotado pelo Rio Branco.


Mias uma vez o sub-23 rubro negro deixou a desejar,na tarde desse domingo o furacão foi até Paranaguá e foi derrotado para o Rio Branco por 2 a 1,e assim continua sem saber o que é vencer no paranaense.Em campo o time de Petkovic mais uma vez não  se encontrou dando espaços e criando poucas oportunidades o time do litoral abriu dois gols de vantagem até que o estrante Mosquito acertou um belo chute de fora da área e descontou para o furacão.Com resultado o sub 23 amarga a vice lanterna do campeonato com apenas dois pontos ganhos,e volta a campo no próximo domingo as 19:30 quando enfrenta o Coritiba na vila Capanema,porém o furacão volta a campo quarta feira com o time principal também jogando na vila onde faz a partida de volta contra o Sporting Cristal pela Libertadores.`

 O JOGO:

Bastante modificado, o Furacão entrou em campo mostrando muita vontade. Logo no primeiro lance, Guilherme partiu em velocidade, mas a bola sobrou para o goleiro Thiago Rodrigues. Na resposta, Fumaça fez a jogada pela lateral e cruzou, mas ninguém alcançou para completar. O time da casa rapidamente equilibrou as ações. Aos sete minutos, novo cruzamento na área atleticana e Rodolfo ficou com a bola.
O Furacão tentava se encontrar em campo e chegou com perigo aos 10 minutos, com lançamento para Dominic, que parou na saída precisa de Thiago Rodrigues. Mas, aos 17 minutos, o Rio Branco abriu o placar com Ricardo Ehle, que aproveitou cobrança de escanteio e teve tempo para ajeitar e bater para o fundo das redes. Aos 20 minutos, Fumaça entrou na área e chutou cruzado para defesa de Rodolfo.
A defesa rubro-negra dava muito espaço para o ataque do Leão. Aos 22 minutos, tentado reagir, Mosquito fez fila na defesa e rolou para Marcos Guilherme fuzilar em cima de Thiago Rodrigues. Mais um lançamento para Fumaça, aos 32 minutos, mas desta vez a defesa atleticana conseguiu cortar. A alta temperatura, com sensação de mais de 40°C, castigava os atletas.
Após o intervalo, o Furacão voltou com Mário Sérgio no lugar de Lucca. Aos seis minutos, abola sobrou na área para Fumaça que limpou a defesa e bateu no ângulo para fazer o segundo do Rio Branco. Aos 13 minutos, Ricardo Ehle desviou na área e quase fez o terceiro. A defesa rubro-negra batia cabeça em uma atuação abaixo da crítica.
Sem conseguir penetrar na defesa do Leão, Hernani arriscou de longe, aos 16 minutos, mas a bola subiu demais. O Rio Branco administrava bem o resultado, aproveitando a vantagem e o desgaste do adversário. Aos 20 minutos, Salatiel foi lançado e Rodolfo deixou a meta para interceptar. Aos 27 minutos, Mário Sérgio emendou o chute, e Thiago Rodrigues cedeu escanteio.
O Atlético ensaiava uma pressão em busca do primeiro gol. Aos 30 minutos, Crislan bateu cruzado e a bola passou por todo mundo, se encaminhando pela linha de fundo. Até que, aos 34 minutos, com um belo chute, de longe, Mosquito descontou. Aos 40 minutos, Mosquito recebeu na área e foi travado na hora do chute. Na cara do gol, Crislan, aos 42 minutos, perdeu uma chance incrível.
FICHA TÉCNICA:
RIO BRANCO 2 X 1 ATLÉTICO-PR
Local: Estádio Fernando Charbub Farah, em Paranaguá (PR) 
Data: 02 de fevereiro de 2014, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília) 
Árbitro: Leandro Junior Hermes
Assistentes: Moisés Aparecido De Souza e Adair Carlos Mondini
Cartões amarelos: Cris, Salatiel e Willames (Rio Branco); Léo Pereira e Sidcley (Atlético)
Gols: 
RIO BRANCO: Ricardo Ehle, aos 17 minutos do primeiro tempo e Fumaça, aos 06 mintuos do segundo tempo
ATLÉTICO-PR: Mosquito, aos 34 minutos do segundo tempo
RIO BRANCO: Thiago Rodrigues; James Deans, Cris, Anderson Rosa e Fábio Alves; Ricardo Ehle, Duda, Bismarck (Júnior Capixaba) e Rafael Chorão (Williames); Jonathan Fumaça (Renan Vinicius) e Salatiel
Técnico: Netinho
ATLÉTICO-PR: Rodolfo; Juninho, Tárik, Lucas Alves e Léo Pereira (Sidcley); Lucca (Mário Sérgio), Otávio, Hernani e Marcos Guilherme; Mosquito e Dominic (Crislan)
Técnico: Petkovic

Nenhum comentário:

Postar um comentário