Furacão vence o Guaratinguetá,e volta ao G4.


Em uam tarde de muito calor no janguitão o furacão goleou o Guaratinguetá por 3a0,e retornou ao G4 da série B com gols de Elias,Paulo Baier e Marcão o furacão atropelou o time paulista e fica perto dos primeiros colocados do campeonato,agora o furacão volta a campo no próximo sábado contra o São Caetano no Anacleto Campanela,jogo esse que é uma "final" para o furacão.

                       O JOGO:
 A partida começou com muito estudo, equilibrada, com muita marcação e o Furacão mostrando ansiedade, sem conseguir concatenar uma jogada. É bem verdade que o calor do horário pouco comum para a prática do futebol atrapalhava. Aos cinco minutos, Alemão arriscou da entrada da área e Weverton defendeu sem problemas. O Rubro-Negro chegou com perigo aos 12 minutos, com chute cruzado de Botelho, para fora.
A equipe paulista não se intimidava por jogar fora de casa. Aos 14 minutos, Renato Peixe cobrou falta no ângulo e Weverton fez grande defesa. Na resposta, Marcão chegou na cara do gol e bateu no cantinho para uma defesa espetacular de Saulo, que impediu um gol quase feito. O tempo passava e ansiedade dos jogadores passava para o torcedor nas arquibancadas, que via o Atlético-PR com maior posse de bola, mas sem conseguir transformar em gol.
João Paulo partiu para jogada individual aos 26 minutos, mas, ao invés de chutar quando abriu o espaço, preferiu cruzar e ninguém aproveitou. O gol atleticano nasceu em contra-ataque rápido, aos 36 minutos. Depois do cruzamento de Marcelo, Elias subiu com liberdade e testou para o fundo das redes. O jogo era tecnicamente muito ruim, com um festival de passes errados.
Na segunda etapa, as equipes retornaram sem modificações. Aos três minutos, Wellinton Pimenta recebe na entrada da área e arriscou o chute pela linha de fundo. O Guará modificou sua marcação e tentava pressionar mais próximo ao campo de ataque. Aos nove minutos, Marcelo acertou um verdadeiro petardo e carimbou o travessão.
Aos poucos o Atlético tomava conta da partida novamente, embora continuasse sem força ofensiva. Aos 14 minutos, Marcão tirou a marcação e chutou na rede, mas pelo lado de fora. O Furacão ainda levava azar, parando na trave mais uma vez aos 19 minutos, em chute de Elias que Saulo se enrolou todo e quase entregou o ouro.
O Tricolor criou a grande chance para empatar aos 25 minutos, com Renato Peixe, que. penetrou na área e só não marcou porque Weverton apareceu para salvar com os pés. O Guará subiu de produção e começou a gostar do jogo.
O time da casa perdeu a chance de matar o jogo aos 37 minutos, com Marcelo, que de frente para a meta isolou. Mas, Paulo Baier não perdoa e, aos 42 minutos, pegou rebote de bola na trave para marcar. Dois minutos depois, Marcão teve tempo para deixar sua marca.

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-PR 3 X 0 GUARATINGUETÁ
Local: Ecoestadio Janguito Malucelli, em Curitiba
Dia: 27 de Outubro - Sábado
Horário: 14h
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha(RJ)
Assistente: sWagner de Almeida Santos(RJ) e Elan Vieira de Souza(PE)

ATLÉTICO-PR: Weverton; Maranhão, Manoel, Luiz Alberto e Pedro Botelho(Wellington Saci); Deivid, João Paulo, Henrique(Felipe) e Elias(Paulo Baier); Marcelo e Marcão
Técnico: Ricardo Drubscky

GUARATINGUETÁ: Saulo; Leandro Silva, Igor, Wendel e Renato Peixe; Bruno Formigoni (Fabinho), Jairo, Wellinton Pimenta (Fabrício Carvalho) e Jonatan; Keninha e Alemão
Técnico: Carlos Octávio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário