Mais um reforço:Atlético anuncia a contratação do atacante André Lima.



Depois de anuncia o meia Vinicius,o furacão segue as compras no mercado da bola que chega dessa vez para reforçar o rubro negro é o experiente atacante André Lima de 30 anos.O jogador ue disputou a temporada de 2015 pelo Avaí e acumula passagens por São Paulo,Botafogo,Grêmio entre outros times chega ao rubro negro com um contrato de um ano e é o segundo reforço para a temporada 2016.A seguir confira a ficha do novo atacante do furacão.

Ficha Técnica:


André Lima
Nome completo: André Luiz Barretto Silva Lima
Data de Nascimento: 3 de maio de 1985
Local de Nascimento: Rio de Janeiro (RJ)
Clubes em que atuou: Vasco da Gama (RJ); Germinal Beerschot (Bélgica); Madureira (RJ); Sampaio Corrêa (MA); Botafogo (RJ); Hertha Berlin (Alemanha); São Paulo (SP); Fluminense (RJ); Grêmio (RS); Beijing Guoan (China); Vitória (BA); Avaí (SC).

Primeiro reforço:Atlético anuncia o meia Vinicius.


O Atlético nunciou oficialmente seu primeiro reforço para 2016,se trata do meia Vinicius de 26 anos que vem do Fluminense,clube que defendeu na temporada 2015.Além do clube carioca o jogador já defendeu o Paraná Clube,Coritiba e Náutico e chega para ser o primeiro reforço para 2016.A seguir confira a ficha do novo jogador do furacão.

Ficha Técnica:

Nome: Vinícius Goes Barbosa de Souza
Data de nascimento: 15/04/1991 (24 anos)
Local de nascimento: Curitiba
Clubes: Paraná, Coritiba, Londrina, Tupi-MG, Esportivo-RS, Anápolis-GO, Náutico e Fluminense.

Vexame:Atlético é goleado pelo Santos.


E a despedida do furacão em 2015,não foi nada agradável jogando na Vila Belmiro o furacão foi goleado pelo Santos por 5a1 de virada e se despediu do brasileirão com um resultado vexatório.O único gol do furacão foi marcado pelo zagueiro Cléberson mas foi só nisso que ficou o time atleticano agora o furacão entra de férias e retorna apenas em janeiro para a disputa do estadual e da Copa Sul Minas Rio.

O JOGO:

Quem esperava um jogo arrastado, sem grande interesse dos atletas, foi surpreendido com a partida na Vila Belmiro. Com muitos garotos em campo, já que tanto Santos como Atlético-PR costumam dar muitas oportunidades para jogadores oriundos das categorias de base, o confronto começou quente.
O Furacão deu de ombros para o fato de atuar como visitante e resolveu ditar o início do confronto, quando o Peixe ainda sentia o desentrosamento e tentava arrumar, principalmente, a sua marcação.
E logo aos 11 minutos, o rubro-negro paranaense chegou ao seu gol. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Cleberson subiu sozinho no meio da área e cabeceou para baixo, no canto direito de Vladimir, que nada pôde fazer.
Mas a respostas santista veio apenas dois minutos depois. Gabriel enfiou linda bola para Geuvânio, que furou na cara do goleiro Rodolfo e acabou dando sorte, ficando com o gol vazio para empatar.
O jogo ganhou velocidade e o Santos passou a equilibrar as ações. Mesmo assim, o segundo gol atleticano não saiu porque Crysan perdeu uma oportunidade incrível. Otávio fez linda jogada individual pelo meio e abriu para Walter, que de primeira cruzou na cabeça do centroavante. Cryzan, porém, tirou de mais e a bola saiu pela linha de fundo.
E, como diz o ditado, quem não faz, toma. Aos 28, Geuvânio retribuiu a assistência de Gabriel e, pela ponta direita, fez o passe rasteiro, cruzado, achando o camisa 10 livre na segunda trave para virar o jogo. O atacante santista estava em posição irregular no lance, mas o auxiliar nada marcou e o Peixe tomou a dianteira no placar.
Nos últimos 15 minutos da primeira etapa, o alvinegro praiano jogou mais solto. Lucas Lima e Werley desperdiçaram boas chances de aumentar a vantagem, enquanto Walter foi quem levou mais perigo a Vladimir em chutes de longa distância.
A segunda etapa veio com uma cara diferente. O ímpeto dos dois times ainda era o mesmo, mas agora o Santos é quem ditava o ritmo. Logo aos 3 minutos, Leandrinho puxou contra-ataque e deu lindo passe de trivela para Gabriel, que percebeu o goleiro adiantado e bateu por cobertura. Rodolfo, no entanto, conseguiu se recuperar e evitou um golaço na Vila.
Mas, aos 14 não teve jeito. De tanto pressionar, o Peixe chegou ao terceiro gol. Lucas Lima rolou para Victor Ferraz na direita. O lateral cruzou para trás e, depois de dois desvios, a bola ficou limpa para Gabriel só empurrar para as redes.
Com o jogo definido, Dorival Júnior resolveu dar oportunidade para mais jovens jogadores que aparecem como promessas da base santista. Fernando Medeiros e Vitor Bueno entraram nas vagas de Alison e Serginho, respectivamente.
E a dupla entrou com fome de mostrar serviço. Logo na primeira participação, Fernando Medeiros iniciou a jogada no meio de campo e tocou para Gabriel, que achou Vitor Bueno na área. Gol e goleada do Peixe.
E não parou por ai. O menino Vitor Bueno entrou endiabrado. O garoto, com direito a passe de calcanhar, fez linda tabela com Lucas Lima, foi ao fundo e rolou para Geuvânio marcar o quinto. Show dos ‘Meninos da Vila’, que ainda ouviram os poucos torcedores que compareceram ao estádio gritarem o famoso ‘olé’ e aplaudirem a equipe após o apito final.
Ficha Técnica:
SANTOS 5 X 1 ATLÉTICO-PR
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 6 de dezembro de 2015, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Assistentes: Sergio Campelo Gomes (MA) e Ubiratan Bruno Viana (RN)
Cartões amarelos: ATLÉTICO-PR: Deivid.
Renda: R$ 124.970,00
Público: 3.836 torcedores.
GOLS:
SANTOS: Geuvânio (2), aos 13 do 1º tempo e aos 34 do 2º tempo. Gabriel (2), aos 28 do 1º tempo e aos 14 minutos do 2º tempo. E Vitor Bueno, aos 28 do 2º tempo.
ATLÉTICO-PR: Cleberson, aos 11 minutos do 1º tempo
SANTOS: Vladimir; Victor Ferraz, Werley (Leonardo), Gustavo Henrique e Zeca; Alison (Fernando Medeiros), Leandrinho, Serginho (Vitor Bueno) e Lucas Lima; Gabriel e Geuvânio.
Técnico: Dorival Júnior
ATLÉTICO-PR: Rodolfo; Eduardo (Barrientos), Vilches, Cleberson e Roberto; Otávio, Deivid, Bruno Pereirinha (Hernane) e Sidcley (Bruno Mota); Crysan e Walter.
Técnico: Cristóvão Borges
Veja os gols do jogo:

Despedida:Atlético enfrenta o Santos na Vila Belmiro.


Na tarde desse domingo,o furacão faz seu último jogo na temporada 2015 o duelo será contra o Santos na Vila Belmiro,jogando pela dignidade o furacão encara um adversário mordido após perder a Copa d Brasil no meio de semana e espera com uma vitória encerrar bem a temporada de 2015.Para a partida o técnico Cristovão Borges terá que fazer mudança no time em relação ao jogo contra o Flamengo e tem dívidas para montar o time.

O TIME:

Para a partida,o furacão não terá o goleiro Weverton suspenso,para seu lugar Rodolfo e Santos disputam um lugar no gol,outra alteração será na lateral direita isso por que Eduardo retorna ao time no lugar de Alessandro.Já no ataque a dúvida é o atacante Walter que durante a semana sentiu um desconforto muscular e é dúvida para o duelo na baixada santista,caso não jogue Cléo ou Dellatorre podem aparecer na equipe.

O Santos:

Abalado após a derrota na Copa do Brasil o time do técnico Dorival Junior joga pela dignidade nesse domingo,sem pretensões no campeonato o peixe vai a campo com força máxima para terminar bem a competição sendo assim o Santos deve ir a campo com:Vladimir; Victor Ferraz, Werley, Gustavo Henrique e Caju; Alison, Leandrinho, Serginho e Lucas Lima; Gabriel e Geuvânio.

Ficha Técnica:

SANTOS X ATLÉTICO-PR
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 6 de dezembro de 2015, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Assistentes: Sergio Campelo Gomes (MA) e Ubiratan Bruno Viana (RN)
SANTOS: Vladimir; Victor Ferraz, Werley, Gustavo Henrique e Caju; Alison, Leandrinho, Serginho e Lucas Lima; Gabriel e Geuvânio.
Técnico: Dorival Júnior
ATLÉTICO-PR: Santos (Rodolfo); Eduardo, Vilches, Cleberson e Roberto; Otávio, Deivid, Sidcley, Marcos Guilherme e Nikão; Walter.
Técnico: Cristóvão Borges